segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Retomada do Cinema Brasileiro se consolida em 2010


O ano de 2010 entrará para a história do cinema brasileiro como símbolo máximo da retomada de nossa produção cinematográfica. Os números animadores fazem sorrir os mais pessimistas no assunto. O ministro Juca Ferreira comemora. Produtores, exibidores e distribuidores vibram. Falta de talento e roteiros para as produções não é. Assim, é possível vislumbrar um céu de brigadeiro para o cinema no Brasil em 2011.

Muita gente foi ao cinema ver o aclamado Tropa de Elite 2, do José Padilha, que aliás bateu todos os recordes de bilheteria no Brasil, com quase  11 milhões de espectadores; chegou a desbancar as grandes produções do cinema internacional como “Homem Aranha” e “A Era do Gelo 3” e “Avatar”; está se fazendo uma comparação errônea com o filme “Dona Flor e Seus dois Maridos” grande produção do cinema de 1976, que atingiu quase a mesma marca do “Tropa 2”, acontece que as realidades no país são bem diferentes, que pese o número de salas de exibição em 76 que era muito maior, hoje as poucas salas de cinema que existe estão concentradas nos grandes centros urbanos. O sucesso do “Tropa 2”, além de sua qualidade técnica, da excelente equipe de produção e atores, se deve ao “Tropa 1” que caiu no gosto dos brasileiros e evidenciou o que seria o seguinte.
Mas nem só do “Tropa de Elite 2” vive o cinema no Brasil.
Este ano, só de longa metragem, foram lançados mais de 76 filmes. A começar por “Lula – O filho do Brasil” de Fábio Barreto, os espíritas “Chico Xavier” de Daniel Filho e “Nosso Lar” de Wagner de Assis, “História de amor duram apenas 90 minutos” de Paulo Halm (que, diga-se de passagem, foi um dos meus professores de roteiro), e finalizando com o filme “De pernas pro ar” de Roberto Santucci, com estréia marcada para o próximo dia 31.
De fato os números são animadores. Em comparação com o ano de 2009, o balanço é positivo, segundo o portal Filme B. Ano passado, mais de 112 milhões de pessoas foram ao cinema, e o filme “Se eu fosse você 2” teve uma renda de mais de 50 milhões de reais. Esses números foram ultrapassados gerando grandes expectativas para o ano vindouro.
Aliás, 2011 já começa com os promissores “Assalto ao Banco Central” de Marcos Paulo, que tem estréia prevista para 22 de julho, “Capitães de Areia” de Cecília Amado com estréia para 5 de agosto,  “O Palhaço” de Selton Mello (26/08). Isso é só pra atiçar, pois já são mais de 40 produções previstas para 2011.
Esse espírito de retomada do cinema nacional nos dá a certeza de que se os investimentos forem mantidos, breve seremos destaque mundial na produção internacional. E o Brasil tem tudo pra isso: belas paisagens, excelentes profissionais, tecnologia de ponta, criatividade. A receita perfeita para uma decolagem estonteante rumo ao sucesso das telonas.

Um comentário:

  1. Meu nome é lucas, gostaria de relembrar a todos os meses que wilson e roberio ficaram sem pagar os funcionarios apenas roubando dos mais pobres.
    Gostaria tambem de lembrar a arrogancia de pedrito cruz, gostaria de lebrar o quanto é mesquinho Antonio cruz, gostraia de lembrar que Marivaldo nunca moveu uma palha pelos menos favorecidos e jamais teve serviços prestados, gostaria de lembrar a falta de humildade de vaitsa mesmo tendo uma familia toda problematica, vale resaltar tambem que satiro dias jamais teve uma camara de vereadores tão ladrões e imcompetentes, Portanto a candidata Vilma Cruz que sairá com outra mulher como vice já ganhou o meu voto e certamente vai ganhar o de toda população, pois é possuidora de carisma, tem serviços prestados e quando faz discurso faz o chão tremer.
    Grave bem esse depoimento: Vilma Cruz será a nova prefeita da cidade, pra a gloria de Deus e da pobreza!
    Lucas rafael/ 20 anos.

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar este tópico.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Faça aqui tua pesquisa!