quinta-feira, 27 de abril de 2017

DIA 28 - PARALISAÇÃO DA INTELIGÊNCIA NACIONAL

Por Abimael Borges

 Você iria a uma guerra lutar ao lado do seu maior inimigo mesmo sabendo que ele está disposto a lhe apunhalar pelas costas? Pois é isso que o brasileiro vai fazer nas ruas na próxima sexta feira: lutar ao lado e pelo o inimigo!
Poucas pessoas pararam para imaginar quem são os pilantras por trás da tal paralisação nacional do próximo dia 28/04. A pior coisa deste país hoje não é a reforma da previdência ou trabalhista, o que há de pior e de mais sórdido é a própria classe política brasileira, e ainda mais grave, é justamente quem está convocando para a greve geral.
Lutar contra a “reforma da Previdência” ou pelos “direitos dos trabalhadores” é apenas a capa de ovelha que recobre os lobos que são os organizadores dessa greve geral.
São partidos de esquerda como PT e PSOL (não há nada mais retrógrado do que essa gentinha arrogante), sindicatos (que vivi de dinheiro público e da famigerada “contribuição sindical”), CUT, MST, MTST e outros braços do PT (partido que encabeça a maior extorsão da pátria brasileira revelada no Mensalão e agora da Lava Jato), organizações estudantis fiéis ao projeto de governo bolivariano como a UNE (cujo  líder é acusado de receber propina na Lava Jato).
Quem está por trás dessa greve geral são os mesmos que destruíram ou apoiaram a destruição da economia e as instituições e que, quando estavam no governo não disseram uma palavra contra as ações que atacavam os “direitos” dos trabalhadores. São os mesmos que elegeram, junto com a Dilma, o tal Temer, que hoje é presidente e também é alvo do ódio de quem o colocou lá.
É ao lado dessa gente cínica que você vai estar no dia 28/04. Ao lado de Dilma que em 2015 foi aplaudida por dizer que não dava apoio aos caminhoneiros grevistas; que estava disposta a fazer a mesma reforma da Previdência (tem vídeo no youtube); que mexeu com “direitos” dos trabalhadores assim que ganhou a eleição (há diversas reportagens sobre o assunto). O pior é que não é só ao lado dessa gente cínica que você vai lutar, é também por esta gente, em defesa desta gente que você vai parar no dia 28/04.
Esta gente não esta lutando por você. As pautas (Previdência e Trabalhador) são apenas a cortina de fumaça e o pretexto que estão usando para te fazer acreditar que são “o bom samaritano” na política. Os sindicatos, por exemplo, estão querendo mostrar força para impedir o fim da “contribuição sindical” que só em 2016 arrecadou cerca de R$ 3,5 bilhões tirados dos bolsos dos trabalhadores. Os sindicatos são o braço ideológico dos partidos de esquerda que promovem o ódio contra as únicas pessoas que de fato geram trabalho no país, que são os empresários.
O PT não está preocupado com trabalhadores, está preocupado em arregimentar idiotas úteis para as eleições de 2018 e viabilizar seu projeto de se perpetuar no poder. A UNE, MST, MTST e outros braços ideológicos da esquerda estão lutando para voltar a ganhar dinheiro público como sempre ganharam durante os governos petistas.
No próximo dia 28/04 o que vai ocorrer é uma demonstração clara da paralisação da inteligência nacional (Deus queira que não), pois qualquer pessoa minimamente esclarecida deverá saber que direito do trabalhador é ter emprego e renda. O trabalhador americano, por exemplo, não tem nenhum dos tais “direitos trabalhistas”, e mesmo assim, a maioria dos brasileiros adoraria trabalhar por lá e nenhum trabalhador de lá jamais desejou dar um só dia de serviço aqui. Os facínoras que chamam para a greve geral são os mesmos que promovem a escravidão do trabalhador brasileiro.
Como diria dona Florinda, - não se misture com essa gentalha! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por comentar este tópico.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Faça aqui tua pesquisa!