terça-feira, 21 de outubro de 2014

A PAPUDA VAI FICAR PEQUENA

por Diego Casagrande

 A Papuda é a nossa esperança. Ampliem a Papuda. Está na hora de o Brasil fazer um grande mutirão para a maior reforma de todos os tempos: a da Papuda. Ou melhor, do Complexo Penitenciário da Papuda. Inaugurado no final dos anos 70 para cerca de 300 presos, foi sendo ampliado e hoje comporta 5000 em vários pavilhões. Do jeito que a coisa anda e pelo que se desenha pela frente, a Papuda já está pequena, apertada, desconfortável. Zé Dirceu, Genoíno, Delúbio Soares, João Paulo Cunha, Pedro Henry, Valdemar Costa Neto e outros tantos bandidos do Mensalão que o digam.
Os depoimentos reveladores de Paulo Roberto Costa, ex-diretor de abastecimento da Petrobras, e do doleiro Alberto Youssef são bombásticos. Primeiro, eles assinaram um acordo de delação premiada. Agora, já nas audiências, estão contando tim tim por tim tim, os detalhes do esquema criminoso que lesou a pátria e saqueou nossa maior estatal a ponto de comprometer seu futuro. Quem não pagasse propina não conseguia contratos com a Petrobras. Simples assim. Esquema de máfia.
Segundo Costa, que depôs por cerca de duas horas na semana passada, havia na estatal um propinoduto para abastecer PT, PP e PMDB. Ele revelou que 3% de todos os contratos superfaturados eram divididos entre ele e os partidos. O PT ficava com a maior fatia: 2%. “Muita gente foi beneficiada”, contou, sem citar os nomes. Quando fez a delação premiada falou de pelo menos três governadores, um ministro, seis senadores e 25 deputados federais beneficiados pelo esquema. E é aí que entra a figura do doleiro.
Alberto Youssef, que também fez delação premiada e igualmente depôs, era quem distribuía o fruto do roubo. Ele contou que o então presidente Lula cedeu às pressões e nomeou Costa para a poderosa diretoria, onde ficaria saqueando o país por oito longos anos. Chegou a citar o trancamento da pauta do Congresso como uma das ações que levaram Lula a decidir pela nomeação. Portanto, se de fato houve pressão, Lula nomeou Costa deliberadamente para fazer o que fez? Tinha noção da gravidade de colocar tal figura em um posto chave da Petrobras? Um cheiro cada vez pior infesta o ambiente.
O governo federal poderia, já nesta reta final de mandato, investir pesado na reforma e ampliação da Papuda. No horizonte se vislumbra muitos denunciados pelos procuradores. Se projetam também novas investigações e processos correlatos. Acreditem em mim. A Papuda vai ficar pequena.

Jornal METRO Porto Alegre

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por comentar este tópico.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Faça aqui tua pesquisa!